10% OFF EM COMPRAS A PARTIR DE R$199 Saiba mais >

Tudo sobre Produtos para Quem tem Alergia a Maquiagem

Cuidar dos nossos corpos e da nossa aparência não é supérfluo, ao contrário, é sintoma de bem-estar pessoal. A maquiagem é uma ferramenta que visa melhorar esta relação com nossa aparência, porém, escolhas erradas podem promover o oposto, muitas maquiagens podem desencadear problemas graves na pele por conter sustâncias problemáticas para certos indivíduos intolerantes.


Saiba identificar as substâncias mais polêmicas dentro da indústria dos cosméticos e encontre as possíveis soluções para casos de alergia neste manual sobre alergias e maquiagens.

 

Para facilitar a navegação, o post está dividido como mostra a estrutura abaixo:

1. Casos de Reações Alérgicas e Suas Consequências
2. Quais são os indicativos de que você está tendo uma reação alérgica?
3. Dicas deste blog que cuida de você:
4. Mas quais são as substâncias que podem causar alergias? 
5. Maquiagem mineral ou maquiagem natural: Você já ouviu falar disso? 
6. Vamos conhecer a marca pioneira neste ramo de saúde + beleza? 

 

Casos de Reações Alérgicas e Suas Consequências

 

Alergia é uma alerta do sistema imunológico visando proteger o organismo de possíveis invasores. Ou seja, é uma resposta inflamatória exagerada do organismo frente a algum estímulo, ou seja, contato de uma substância nova.

  • Casos mais usuais como rinite, bronquite, são reações alérgicas de cunho respiratório.
  • As dermatites e urticárias são reações mais amenas ocorridas na pele, além de serem mais fáceis de serem curadas
  • Nos casos mais graves, pode gerar choque anafilático, conduzindo à pessoa a morte
  • Podem ser genéticos e hereditários ou a exposição contínua a produtos agentes antigénicos e tóxicos

As razões para explicar as reações alérgicas do organismo ainda são desconhecidas, porém é também muito importante ficar atentos aos produtos que desencadeiam a reação. Pessoas alérgicas já tem discernimento sobre suas próprias alergias, por isso são mais cuidadosas. Pessoas com casos recorrentes de rinite e bronquite, usualmente sofrem com irritação da pele desde a infância, por tanto, são pessoas que sabem quais as substâncias que promovem alergias nelas, mas o organismo pode estranhar substâncias usuais com o passar do tempo. Novas reações alérgicas são passíveis de acontecer até mesmo em pessoas que já evitam determinados produtos.


Não tenho histórico de alergia, o que fazer?

 

Todos os indivíduos podem ter reações alérgicas. As reações alérgicas podem surgir em qualquer contato com produtos químicos. Aqueles que nunca tiveram uma reação alérgica podem passar por isto em virtude do uso contínuo de determinados produtos. Além do mais, o avanço da tecnologia dos cosméticos promove a utilização de substâncias novas na fabricação de produtos de maquiagem, ou seja, desencadeando novas formas de alergias por vezes em pessoas que nunca tiveram uma crise alérgica. Por tanto, é preciso ficar alerta sempre quanto à compra de um produto novo no mercado de cosméticos, mas, buscar produtos naturais que é conhecido o baixo impacto químico na pele pode ser a solução para evitar maiores problemas.

Uma dica muito importante é testar antes da compra!! Aplique pequenas quantidades na pele, certifique que naquele instante não ocorreu nenhuma coceira ou vermelhidão. Procure ler o rótulo, entenda minimamente das substâncias descritas e pesquise informações sobre o produto. Claro, sempre consulte um dermatologista para confirmar que aquele produto é realmente eficaz no que propõe, mas também é o uso no dia-a- dia seguro.

 

Quais são os indicativos de que você está tendo uma reação alérgica?

 

As reações causadas na pele após a aplicação de algum produto é o principal meio de estabelecer o diagnóstico de reação alérgica.

 

Associação Brasileira de Alergia e Imunologia (ASBAI) divide em dois tipos de reações alérgicas:

  • Dermatite de Contato Irritativa
    Começa com uma coceira intensa no local, logo depois aparece uma sensação de queimação, ambas surgidas logo após a aplicação do produto.

 

  • Dermatite de Contato por hipersensibilidade
    Que é a sensibilização alérgica, mas não depende de ação irritante ou tóxica do produto sobre a pele. Por tanto, se um produto gerou vermelhidão na pele, inchaço, formação de bolhas, coceira é melhor não voltar a usar aquele produto e procurar alternativas a ele e corra para o médico.

 

A ASBAI fornece dicas importantes de proteção a reações alérgicas: 

  • Use produtos de qualidade certificados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa);
  • Produto novo e baratinho virando febre em sites, blogs, youtubers? Antes de comprar e seguir as dicas as amigas blogueiras, certifique-se que este produto foi liberado pela Anvisa. Sua saúde agradece o cuidado!
     
  • Guarde os cosméticos em lugar fresco e protegido da luz solar;
     
  • Não use produtos que estejam com o prazo de validade vencido;
  • Passou da validade? Lixo na hora. Não importa se é maquiagem importada e cara, a validade é estipulada por órgãos responsáveis por manter a sua saúde pessoal. Respeite!
     
  • Não compartilhe maquiagens com outras pessoas.
  • Comprou um batom bapho e quer emprestar para amiga? Não faça isso! Produtos de maquiagem são utensílios pessoais tanto quanto os de higiene. Você não compartilha escova de dente, certo? Cada produto gera uma reação e efeito em diferentes peles. Por isso, amiga indicou uma maquiagem e está em dúvida a respeito do produto? Leia sobre ele para saber quais substâncias ele contém e certifique-se que não gerará problemas para você. 
     
  • Não use perfumes quando for à praia ou quando se expuser ao sol.

Verifique que o BB cream/CC cream ou protetor solar com cor também possui fator solar alto. Caso não dê preferência sempre ao protetor à exposição ao sol. Nada de uso maquiagem que não foram feitas para exposição do sol.<<< 

  • Se tiver dúvidas sobre um determinado cosmético, peça orientação ao seu alergista, para evitar reações desagradáveis.
  • Teve alguma irritabilidade, mas não sabe de onde vem? Pare com todos os produtos que você possui em casa e vá direto ao alergista. Só um médico poderá indicar qual substância lhe fez mal, através de testes aplicando algumas substâncias na sua pele, e quais as medidas para medicar a alergia. <<<

 

Dicas deste blog que cuida de você:

  • Demaquilantes e sabonetes para limpeza também podem desencadear alergias. Por vezes ficamos focadas apenas nas maquiagens, mas o mesmo tipo cuidado são necessários, procure saber quais substâncias contém e qual a validade do demaquilante.
  • Usar pincéis, esponjas e aplicadores sujos e úmidos pode causar alergia devido à presença de fungos e bactérias. Lave-os bem! Use-os apenas limpos e secos!
  • É possível que mulheres alérgicas desenvolvam novas alergias com o uso de novas maquiagens, o motivo foi explicado acima, uso contínuo pode gera irritação na pele. Observe como se dá a irritação, quando ocorre e após qual cosmético a irritação começou.
  • Sempre é importante fazer o teste de contato até mesmo para as receitinhas caseiras.
  • Coceira isolada não é sintoma de reação alérgica, às vezes a pele apenas está ressecada. Lembre-se dos sintomas apresentados para entender o que é ou não uma reação alérgica.
  • Evite maquiagens sem descrição da composição no rótulo. Se ocorrer alergia, já saberá qual foi à substância. Produtos sem rótulos dificilmente são aprovados pela ANVISA.
  • Os poros não podem ser obstruídos, os cremes e pós não comedogênicos são os mais indicados.
  • comedogenicidade é uma escala que indica o quanto o produto pode obstruir os poros da pele, quanto mais o grau de comedogenicidade,maior será a facilidade que o produto será absorvido. A pele respira melhor com produtos cuja comedogenicidade é mais elevada. Fique atenta a isto, é sempre bom pesquisar bem sobre o produto antes da compra.
  • Evite sair ao sol e comer gordura quando a pele estiver irritada. Não aplique absolutamente nada com a pele apresentando sinais de irritação.

 

Mas quais são as substâncias que podem causar alergias?


Produtos da nossa rotina como shampoos, perfumes, sabonetes e maquiagem podem deixar a pele irritada. Motivo disso? A reação é causada por alérgenos sintéticos ou naturais presentes na composição dos cosméticos como fragrâncias sintéticas, sulfatos, formaldeído, parabenos, corantes artificiais, conservantes em geral. São alguns exemplos das 170 químicas possíveis de existir no componente de cosméticos e que é sabido que pode promover intoxicação. Atualmente, podemos perceber que os parabenos são os grandes inimigos presentes em cosméticos femininos, pode ser altamente cancerígeno, já que promove o efeito semelhante ao estrogênio, promovendo multiplicação de células. Mas os parabenos não são os únicos vilões, vamos saber mais profundamente sobre essas substâncias? Olhe as tabelas abaixo, encontrou um desses componentes no rótulo do seu produto favorito? Talvez seja melhor repensar o uso e buscar alternativas.

 

Maquiagem mineral ou maquiagem natural: Você já ouviu falar disso?

São dois tipos de maquiagem que se difere entre sim, mas ambas são diferentes da maquiagem tradicional. Para a maquiagem ser considerada natural tem que possuir 95% de componentes naturais. Os 95% podem ser ingredientes como manteiga de cacau, argila, extrato de camomila, óleo de coco, babosa, aloe vera, e diversos outros. Por tanto, maquiagem natural tem seus componentes são matérias-primas de origem presentes na natureza. Apenas 5% são produtos de origem de laboratórios químicos. A maquiagem mineral, por sua vez, possui características na formulação por conter ativos minerais com propriedades curativas, antiinflamatórias, calmantes, <não comedogênicas>, ou seja, promovendo efeito de tratamento na pele. São maquiagem que além de beleza estética visa o tratamento da pele.

Exatamente por essas características que maquiagem mineral e/ou natural são consideradas hipoalergênicas, são indicadas para todos os tipos de pele, até as mais sensíveis e já com histórico de alergias. Como podemos perceber, os cosméticos hipoalergênicos tem menos componentes alergênicos. Lembre-se cosméticos hipoalergênicos podem ser naturais, mas não são todos. Leia o rótulo!


Quer saber mais sobre quais são as substâncias livres de toxidade? Pesquise sobre Enviromental Working Group, o EWG, que é um banco de dados online onde uma equipe de cientistas disponibilizam informações e avaliações de segurança para mais de 60.000 produtos cosméticos.

 

Vamos Conhecer a Marca Pioneira neste Ramo de Saúde + Beleza?

Por incrível que pareça, produtos maquiagem orgânica e/ou mineral ainda são um tabu na indústria brasileira. Apesar de possuirmos uma natureza abundante, nenhuma das marcas brasileiras aborda essa necessidade como pauta. Este assunto ainda não tem grandes repercussões em marcas nacionais, mas o público feminino do Brasil já anda exigente quanto aos componentes dos produtos de maquiagens.

Tem sido questionada a ideia de beleza a qualquer custo, por isso já são diversos os grupos nas redes sociais levantando o debate sobre produtos maquiagem mais preocupados com a saúde e meio ambiente. Muitas são as brasileiras que recorrem a produtos estrangeiros visando encontrar alternativas de produtos de maquiagem mais naturais e benéficos à saúde.

 

A Physicians Formula é líder no mercado de cosméticos natural e pioneira no assunto.

 

Dr. Frank Crandall, um médico alergista americano, criou os primeiros produtos da linha de beleza e mudou o ramo da indústria de cosméticos no mundo. Até então, a funcionalidade da maquiagem era meramente encobrir as imperfeições do rosto. Por isso, a Physicians Formula revolucionou o conceito de maquiagem. A foi criada em 1937, surgiu com a promessa de criar fórmulas e oferecer produtos de cuidados da pele, focada no público de mulheres alérgicas, por tanto, são desde sempre maquiagens hipoalergênicos de alta qualidade. Ou seja, produtos que visam proteger as peles mais sensíveis, sem descuidar do tratamento estético.

Os produtos da marca são indicados e recomendados por dermatologistas, cirurgiões plásticos e especialistas em alergias no mundo inteiro, justamente por que a empresa exclui 130 componentes tóxicos da sua formulação. As inovações não param por aí, a marca é .

 

Mas o que Significa uma Marca de Cosméticos Vegana?

 

Afinal, veganismo é a filosofia de indivíduos que visam proteger os animais, excluindo do consumo diário todos os produtos que de alguma forma são frutos de exploração animal possível. Veganos praticam o boicote as marcas que vivem da exploração de animais. Mas, se você é vegana e ama maquiagem, a Physicians Formula é perfeita para o que você procura. A marca não utiliza produtos de origem animal, também não promove testes em animais. Por tanto, uma marca altamente sustentável que se preocupa com o meio ambiente. Ficar mais bela, cuidar da pele e ao mesmo tempo do planeta, é possível com a Physicians Formula!

 

Fontes e Referências
https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/estetica/historia-da-maquiagem/27189
http://www.asbai.org.br/secao.asp?s=81&id=1032 
http://matriznatural.eco.br/ebook-matriz- natural.pdf 
http://siaibib01.univali.br/pdf/jessica%20castro,%20monica%20piva.pdf
https://www.aequum.xyz/quem-somos- physicians-formula- a-frmula.html

Postado em Maquiagem no dia 30 de Novembro de 2017

Comentários

Leia também...

Diferença e Benefícios das Maquiagens Orgâncias, Veganas, Naturais e Anti-alérgicas

São tantas opções de maquiagens que pode ser que você fique na ... Leia o artigo »

09/12/2017

Alergia à maquiagem? Conheça sobre as Maquiagens Antialérgica e Minerais

Você é alérgica a algum produto de maquiagem? Talvez um blush, um bato... Leia o artigo »

29/11/2017

Guia Completo: Tudo Sobre Bases para uma Pele Perfeita

Todas nós passaremos pela adolescência, teremos as clássicas marquinha... Leia o artigo »

26/11/2017